Trigo: na Argentina, cultura principal

Publicado em 23/05/2018

Foto: Biotrigo

Compartilhe:

O Seminário "A Todo Trigo y cultivos de invierno", promovido pela Federación de Centros y Entidades Greminales de Acopiadores de Cereales, que ocorreu entre 10 e 11 de maio em Mar del Plata, na Argentina, debateu e enfatizou o trigo como uma cultura importante para aquele país. Uma comitiva da Biotrigo Genética, de Passo Fundo, esteve no evento.

 

Lorenzo Mattioni Viecili, gerente comercial da empresa, diz que autoridades do setor agropecuário da Argentina deixaram explícito que tratam o grão como o principal produto agrícola do país. "Claro que a área da soja é muito maior na Argentina também, mas a importância que eles dão para o trigo é tão relevante quanto para a soja. No Brasil, a cultura está marginalizada", compara. Viecelli destaca ainda que os argentinos enxergam o Brasil como um mercado potencial para exportação. Segundo a Biotrigo, o Brasil importa até 7 milhões de toneladas de trigo por ano da Argentina.

 

Ao contrário do que ocorre no Brasil, a Argentina está migrando de uma produção de trigo forrageiro, para ração, para um trigo de maior qualidade, para atingir a indústria de pão, massa e biscoito. "Eles estão buscando uma nova ideia de trabalho, com grão de alta qualidade, inspirada na produção russa", relata. Segundo Viecili, a estrutura logística argentina favorece esse comportamento. "Além do manejo de qualidade, há ferrovias, estradas, armazenagem e porto, todos engajados no mesmo projeto", afirma.

 

O gerente observa que o produtor brasileiro estava desestimulado, mas começou a fazer as contas e resolveu manter o trigo depois de ver a cotação da tonelada subir de R$550 no início do ano para R$830 neste mês. Viecili diz que o Estado poderia produzir até 2 milhões de toneladas de trigo por ano, mas ainda não tem estrutura para isso. "Temos muitos gargalos de logística, por exemplo. Quando a área é menor, se tem liquidez. O que é produzido é comercializado rápido. Mas quando tivermos mais área, se não melhorarmos a estrutura de armazéns será um problema", prevê.

 

A Biotrigo é o mercado de melhoramento genético como um todo oferecem ao produtor variedades mais resistentes às intempéries, doenças e fungos.

Fonte: Jornal Correio do Povo

Receber Bionews

Notícias Relacionadas

Atendimento

Segunda à sexta das 07:30 às 12:00
e das 13:00 às 17:20

Passo Fundo - RS

Estrada do Trigo, 1000
Bairro São José - CEP 99052-160
Caixa Postal 3100

+55 54 3327-2002
biotrigo@biotrigo.com.br

Campo Mourão - PR

Rodovia BR 158, 3741
Avelino Piacentini, KM 8 - CEP 87309-700
Bairro Jardim Batel II

+55 44 3525-6447
regionalnorte@biotrigo.com.br